Powered by ZigaForm version 3.9.8.5
Central de Atendimento:
(11) 3080-1000 | (11) 2500-0500 | (11) 4020-0131

Portaria Remota | Peter Graber

Author: Erica

7 dicas para reforçar a segurança de lojas para o fim de ano

By Comentários desativados em 7 dicas para reforçar a segurança de lojas para o fim de ano

Com a proximidade do fim do ano é essencial ficar de olho e reforçar a segurança de lojas para proteger seu patrimônio. Afinal, é uma época que aumenta consideravelmente o fluxo de consumidores, criando um cenário perfeito para pessoas com más intenções circulares e aprenderem sobre o dia a dia de comércios.

Além disso, devido a esse volume extra de pessoas também aumentam as chances de erros e distrações das equipes, podendo dar brecha a ações criminosas. Lembre-se de que o caixa não é o único visado. Clientes, estoque e equipamentos são altamente atrativos e, muitas vezes, alvos fáceis.

Por isso, listamos as melhores dicas para reforçar a segurança de lojas especialmente neste final de ano. Confira!

Dicas para reforçar a segurança de lojas no fim de ano

#1 Monitoramento de alarmes com imagens

Um bom sistema de alarme com imagens é requisito básico para reforçar a segurança de lojas. Com este recurso de monitoramento comercial, inúmeras atividades criminosas chegam a ser inibidas, frente a possibilidade de identificação ou intervenção de profissionais para evitar o crime.

E, mesmo que o sistema não consiga inibir a ação, serve como prova e possibilita uma melhor investigação do ocorrido. Na hora do posicionamento das câmeras, selecione pontos estratégicos e tente cobrir, o máximo possível, a área completa do local, evitando assim pontos cegos.

#2 Notificação de abertura e fechamento para segurança de lojas

Outro recurso poderoso e que ajuda a reforçar a segurança de lojas é a notificação de abertura e fechamento do estabelecimento. Como citamos acima, devido ao fluxo intenso de fim de ano, muitas brechas podem surgir e acabar facilitando um crime.

Por isso, com a notificação de abertura e fechamento você controla em tempo real essa informações e questionar a equipe imediatamente frente a uma movimentação suspeita.

#3 Relatórios de arme e desarme do alarme

Seguindo a mesma lógica da notificação de abertura e fechamento, o ideal é você ter um controle sobre o arme e desarme do alarme. Com um bom relatório, é possível identificar alguém que tenha esquecido de armar, por exemplo, ou saber, imediatamente, se ele foi desarmado em um horário incomum.

Com essa ferramenta, sua loja fica ainda mais segura e você consegue uma geração poderosas de provas caso seja necessário.

#4 Monitoramento de acesso para segurança de lojas

Para lojistas é essencial o investimento em bom sistema de monitoramento, principalmente do acesso ao local. O que isso significa? Maior controle e tranquilidade quanto a quem está entrando, principalmente se há outras fontes de acesso além da utilizada pelo público para entrar no estabelecimento.

Assim como nos casos anteriores, consegue inibir fortemente pessoas com intenções criminosas ou ainda funcionar como acervo de provas caso algo, de fato, venha a acontecer.

#5 Botão do pânico

Um botão do pânico é uma ferramenta, normalmente, integrada aos sistemas anteriores. Eles são ideais para reforçar a segurança de lojas e daqueles pontos como citamos: caixas, clientes ou estoque. Em todos estes locais, o profissional responsável poderá, sem alarde, informar a autoridades que algo de errado está ocorrendo no interior da loja.

Em outros casos, é possível ainda utilizar um botão móvel em smartphones, por exemplo, que cumprem a mesma função e tornam a segurança mais dinâmica nas mãos dos funcionários.

#6 Evite acumular dinheiro na loja 

Uma das maiores medidas de segurança quanto ao patrimônio financeiro da sua loja é, jamais, manter grandes quantias guardadas no interior do estabelecimento. Normalmente, o ideal é que o banco recolha, ou você faça esse transporte, com frequência e sem rotina, pois esse tipo de movimentação costuma chamar bastante a atenção de criminosos. 

Outra saída é utilizar cofres ou gavetas com chave, jamais em locais óbvios demais. No caixa, deixe apenas o necessário para a operação do dia. 

Essa é uma estratégia simples e bastante comum, mas deve ser lembrada pois algumas vezes pode ficar em segundo plano e, neste momento, algo acontecer. Nunca deixe para depois, pois pode estar comprometendo a sua renda e tornando a loja um alvo fácil, principalmente durante o fim de ano.

#7 Controle biométrico

Para quem busca reforçar medidas de segurança como o monitoramento de acesso, notificações de alarme e abertura, por exemplo, uma sugestão é o controle biométrico de funcionários e colaboradores.

Apesar desta ser uma solução interna, que irá impactar somente os funcionários, ela é um reforço de todo o contexto de segurança acima, pois fornece mais uma ferramenta de controle de acesso e saída dos prédios.

Por ser altamente tecnológico, acaba evitando quase que a totalidade de fraudes possíveis e não libera a passagem de pessoas não autorizadas, garantindo a segurança de lojas e pessoas.

Quer saber mais sobre estes recursos que poderão reforçar a segurança de lojas? Entre em contato para que os especialistas da Peter Graber possam auxiliar você!

Portaria Remota | Peter Graber